PROCRASTINAÇÃO?

PROCRASTINAÇÃO…. Também sofres disso?


Esta dica tem como propósito desmascarar este nosso inimigo de estimação.

Tal como a maioria dos nossos sabotadores, este monstro não está escondido atrás de uma porta para nos atacar: está bem dentro de nós.

Porquê? Porque a procrastinação, ou o adiamento crónico, é na verdade uma fachada para o nosso próprio medo – medo de falhar, de ser rejeitado, de ficar mal visto, de não ser amado, medo de perder qualquer coisa.

E ao termos medo de falhar, vamos adiando até ao momento perfeito. O problema é que momento perfeito não existe, e essa é a raiz da procrastinação.

Procrastinação está também intimamente ligada ao perfeccionismo, o meu defeito preferido.

Mas afinal porque fugimos do fracasso? É simples: porque fomos ensinados assim – não erres, não falhes, não fracasses, não fiques para trás, não sejas um perdedor, sê exemplar, olha o teu irmão, o teu primo, olha o teu tio, veja que bela posição, que bela casa, vê como eles têm sucesso!!

Não admira que tenhamos pânico do “falhanço”, que nos persiga até um beco escuro para nos assaltar – temos medo que nos roube todas as coisas boas da vida, porque assim ninguém nos vai querer, ninguém nos vai amar.

Então olhamos para o “fracasso” como uma terrível condenação do destino, e como um trágico oposto de sucesso: E esta é uma das maiores mentiras que nos contaram. O fracasso NÃO é o contrário de sucesso, fracasso é o INÍCIO do sucesso.

Por isso não fujas do erro, dá-lhe as boas vindas, pois é sinal que TU entrou em campo. Os maiores vencedores só o foram, porque foram os maiores perdedores.

Estima-se que Michael Jordan tenha o recorde mundial de falhanços ao cesto – e é POR ISSO que foi também o melhor dos melhores. Como diz o ditado: quer ter Sucesso? ERRE muito!”

Porque falo disto? porque o medo de errar e ultrapassar os medos é um dos principais desafios com que trabalho no Coaching.

DICAS:

#1 – Começa!
Se tu agora pensaste: “ah, isso eu sei…” – é sinal de que precisas de ouvir outra vez. Todos temos medo de começar, porque é desconhecido, e achamos que o desconhecido é algo terrível. Sabes que mais? não é. Pelo contrário, essa é a graça da vida. E mais, o medo desaparece simplesmente porque começamos e damos o PRIMEIRO passo, aquele que permite todos os outros – A ação é o maior antídoto da Procrastinação, porque a procrastinação é um reflexo do medo, e o medo uma construção da nossa cabeça, portanto é algo que não existe. Quem já não pensou: “afinal era só isto??” Na maioria dos casos, tu não precisas de ninguém para dar o 1º passo. Curiosamente, as pessoas gostam de nos travar quando pedimos licença, mas saem rapidamente do caminho quando já estamos em ação. Porquê? Porque as pessoas admiram quem Age. A melhor forma de desmascarar este inimigo é entrando em campo – não é por acaso que a palavra superação vem de = SUPER-AÇÃO.

#2 – Não esperes pelo momento “certo”
Esta é a maior mentira que contamos a nós mesmos. Não existe momento certo, existe o momento que TU decides transformar no momento certo. E qual o momento certo? aquele que TU quiseres, ou seja Agora. Este momento, em que tu leste esta frase, não depois, não amanhã. Se pensares bem, nunca é o momento ideal para ter filhos, para voltar a estudar, para dizer “desculpa”, para fazer uma declaração de amor, de fazer atividade física ou começar uma dieta. Tudo só realmente acontece, quando começamos E criamos o ritmo. Esse é o teu Poder Pessoal, a tua capacidade natural de fazer acontecer QUANDO tu quiseres. Quando vai ser?

#3 – Não se compare
A doença do século chama-se “Comparite”, aguda. Nunca compares os teus bastidores com o palco de alguém. Pode parecer luminoso e glamoroso, mas tu não sabes o que a pessoa passou para chegar ali. De igual forma, se tu fores ao ginásio ou academia pela primeira vez e levantares 10 kilos, não te compares com o vizinho do lado que lavantou 120. Quanto muito, compara-te com o primeiro dia dele. Talvez ele nem tenha levantado os tais 10kg. Resumidamente, a comparação é uma forma de julgamento, e de desresponsabilização, e raramente traz bons resultados. Tu és único e especial (E.U.), por isso se te quiseres mesmo comparar, compara-te contigo mesmo, e como podes hoje ser melhor que ontem.

#4 – Descobre o “PORQUE” 
Pode parecer óbvio, mas acredita que a maioria das vezes que adiamos, procrastinamos ou desistimos de algo, é porque ou não estamos conscientes das verdaderias razões, ou quando estamos, elas não são suficientemente importantes para nós. Já ouviste a frase: “quando realmente queremos encontramos uma solução, quando não queremos encontramos uma desculpa?” pois é. Provavelmente já te aconteceu: Se tu tiveres a noção claríssima da importância de qualquer tarefa, verás que ela se torna incrivelmente “fácil”. Eu NÃO gosto de me levantar cedo, mas quando o mar tem ondas boas para fazer Surf, eu salto da cama. Faz-te sentido?

#5 – Compromete-te
A melhor forma de tu fazeres, cumprires, concretizares – é comprometendo-te com alguém. A fórmula mais rápida para a ´procrastinação´ é comprometeres-te só contigo. Claro podes comprometer-te com um calendário, mas isso não é suficiente. Ao compartilhares com alguém, além de estares a expandir e desbloquear a energia e o poder da intenção, e além de estares a inspirar e ajudar TAMBÉM essa pessoa, vais-te sentir motivado e ´obrigado´ a concretizar. Dica extra: usa as redes sociais. Com quantas mais pessoas te comprometeres, maiores as hipóteses de sucesso.

#6 – Mantém as coisas simples
Lembro-me sempre de uma frase do Steve Jobs que dizia: “a vida ganha uma nova perspetiva, quando realizamos que um dia vamos morrer, que temos os dias contados”. A vida é rápida, e a nossa passagem é temporária. Relativiza os eventos, não os leves tão a sério, e faz um favor a ti próprio: faz o que tens a fazer, e segue em frente. Vais-te sentir aliviado, inspirado e motivado para ir mais longe. Outra dica extra: Sê grato. Ao invés de te focares no que não tens, agradece tudo o que você tens.

Não procrastines mais a tua vida, pois tu mereces tudo o que ela tem para te dar. A vida é Curta, curta a vida – COMEÇA HOJE 🙂 Se precisares de ajuda, ou quiseres trocar ideias, deixa abaixo um comentário.


Obrigado e Abraço 🙂

O teu Coach

Hugo Van Zeller

Coaching, Formação e Desenvolvimento Pessoal

[divider style=”0″]

PS: O que sentiste com este artigo? Deixa abaixo um comentário:

arrow

Não percas nenhuma novidade!

Deixa o teu e-mail abaixo para receberes os próximos artigos

Responsive image

admin2